Seguidores

sábado, março 31, 2012

Museu Sacaca divulga nova programação de eventos

0

O Centro de Pesquisas Museológicas (CPM) – Museu Sacaca inicia neste domingo, 1º de abril, uma nova programação de eventos. Teatro, Música, Poesia, Cinema e Contação de Histórias continuarão presentes na movimentação dos espaços do Museu para alegrar e divertir o visitante e sua família que, além de adquirir conhecimentos, pode aproveitar os momentos reservados ao convívio familiar, para desfrutá-los tranquilamente nos espaços do Museu.

Ainda neste sábado, 31, a Exposição a Céu Aberto, com a ajuda dos monitores, interage diretamente com os visitantes, a partir das 10h. Às 10h30, na Maloca Multiuso, a equipe do Museu realiza Oficina Pedagógica utilizando Brinquedos e Brincadeiras de antigamente. Os participantes vão poder exercitar as lembranças ou simplesmente conhecer brinquedos e brincadeiras que, ainda hoje, são veículos de tantas alegrias.

No domingo, as atividades começam a partir de 10h30, na Maloca Multiuso, com Contação de Histórias. Como este domingo é tido, culturalmente, como o Dia da Mentira, as histórias que vão ser contadas pelos monitores devem conter algumas mentiras bem grandes, para impressionar a plateia. Às 16h, no Cine Museu, que funciona no auditório Waldemiro Gomes, a exibição do filme Turma da Monica: uma aventura no tempo.

Instituições Escolares e Assistenciais, Clubes de Serviço e Creches podem agendar visita, previamente, junto à equipe do Museu, que nesse dia desenvolverá uma programação especialmente elaborada e adequada para a idade dos visitantes.

A Praça da Alimentação e as lojas internas estarão em atividade durante o horário de funcionamento do Museu.

Graça Viana Jucá/Iepa

Governo do Amapá adere à Campanha Luzes Azuis, que visa sensibilizar a população sobre o autismo

0

Nesta segunda-feira, 2, será celebrado o Dia do Orgulho Autista em todo o mundo. A data, criada pela Organização das Nações Unidas (ONU), visa à sensibilização da sociedade sobre o tratamento especial aos portadores da síndrome.

O Governo do Amapá aderiu a uma campanha mundial Luzes Azuis. O Palácio do Setentrião, sede do Poder Executivo, já está todo iluminado com a cor símbolo da programação que objetiva chamar a atenção da população para o autismo.

De acordo com o chefe adjunto do Gabinete Civil, Délcio Magalhães, é preciso que a população tenha esclarecimento sobre o autismo. Ele enfatizou que a campanha também objetiva promover a inclusão social das pessoas que sofrem da síndrome e educar o público em geral sobre o autismo.

Além do Palácio, no dia 2 de abril será realizada uma programação no Monumento Marco Zero, que culminará com o acender das luzes azuis, às 18h, movimento este que acontecerá em todo o mundo ao mesmo tempo.

Também na segunda-feira, uma programação alusiva ao Dia do Orgulho Autista, que contará com palestras, exposição de trabalhos relacionados ao autismo, além de exibição de filmes, será realizada em escolas da rede estadual de educação. A ação é coordenada pelo Núcleo de Educação Especial da Secretaria de Estado da Educação (Seed).

A programação ocorrerá simultaneamente na Escola Estadual Princesa Isabel; Escola Estadual Coelho Neto; Escola Estadual Elza Lino; Escola Estadual Castro Alves; Escola Estadual Augusto dos Anjos; Escola Estadual Oneide Pinto e Centro Raimundo Nonato. Segundo dados da Seed, em Macapá existem 48 autistas na rede estadual de ensino.

Autismo

O autismo é uma síndrome que atinge quase dois milhões de brasileiros. Em crianças é mais comum do que o câncer, AIDS e o diabetes. No mundo, a Organização das Nações Unidas (ONU) estima que existem mais de 70 milhões de pessoas com a síndrome.

Elton Tavares
Assessor de comunicação
Secretaria de Estado da Comunicação

Palestra: "O Mito da Caverna: Realidade X Ilusão"

0

Um mito de 2500 anos que até hoje desperta nossa curiosidade. O que Platão quis representar com esta caverna e seus personagens? Podemos tirar dele reflexões que nos ajudem a entender os problemas do mundo atual? Nesta palestra trataremos de seu simbolismo segundo a Filosofia à Maneira Clássica.

Sobre Nova Acrópole:

Acrópole era, nas cidades clássicas gregas, o local mais elevado e destacado. Hoje, com um critério semelhante, buscamos a superação individual, procurando fazer com que cada um se converta em seu próprio arquiteto e construtor, até alcançar seus mais elevados objetivos. Fazemos isso a partir do resgate e da prática cotidiana das filosofias do oriente e do ocidente.
Para colaborar na construção de um mundo melhor, é preciso aprender, conviver, participar ativamente da vida... enfim, ser melhor, transformar-se. Nossa proposta é a de contribuir para a formação de seres humanos mais conscientes e ativos na construção de um mundo melhor.

Palestra: "O Mito da Caverna: Realidade X Ilusão"
Data: 31/03
Horário: 19h30
Entrada franca.


Mais informações: www.acropole.org.br

NOVA ACRÓPOLE MACAPÁ
Rua Odilardo Silva, n° 1013, bairro Centro (próximo ao SEBRAE).
fone: 9131-4398 / 8132-3295 / 8133-9163

sexta-feira, março 30, 2012

Governador recebe Sindicato dos Policiais Civis do Amapá

0

O governador do Amapá, Camilo Capiberibe, recebeu nesta sexta-feira, 30, no Palácio do Setentrião, o presidente do Sindicato dos Policiais Civis do Amapá (Sinpol/AP), Elias Rodrigues, de seu vice Antônio Sotelo, a diretoria da Associação dos Escrivães/Oficiais da Polícia Civil do Amapá (Aesp), Delma Lúcia Coelho e três membros da diretoria do Sinpol. No encontro, os sindicalistas apresentaram sua proposta para a Data Base da categoria.

A reunião contou também com a presença dos secretários de Estado da Justiça e Segurança Pública, Marcos Roberto Marques, da Administração, Luiza Cearense, do chefe de Gabinete Civil, Kelson Vaz e do procurador geral do Estado, Antônio Kleber.

Durante o encontro, o governador ouviu reivindicações, sugestões e anseios dos representantes dos policiais civis do Estado. O governador explicou aos sindicalistas que a proposta do Sinpol passará por análise feita pela equipe de governo. Camilo Capiberibe elucidou que recebeu os representantes da Polícia Civil por estar aberto ao diálogo e que dará a resposta sobre o reajuste a todos os sindicatos do Amapá após um estudo de impacto da Folha de Pagamento do Estado.

De acordo com o presidente do Sinpol, a proposta de reajuste salarial será construída dentro do diálogo e negociação coerente com o governo do Estado. Elias Rodrigues afirmou que a classe está confiante na resposta do governador em relação às reivindicações dos policiais civis do Amapá.

Elton Tavares
Assessor de comunicação
Secretaria de Estado da Comunicação

II Congresso de Jornalismo da Unifap

0
Acadêmicos de jornalismo da Universidade Federal do Amapá (Unifap) convidam para Congresso que se realizará de 8 a 20 de abril.


Período: 18 a 20 de abril
Tema: O papel do comunicador no processo de democratização da informação.

O II Congresso de Jornalismo da Unifap (Conju) é um evento produzido por acadêmicos de Jornalismo da Universidade Federal do Amapá (Unifap). O Objetivo do evento é fortalecer o ensino, a pesquisa e a extensão que são atividades acadêmicas que possibilitem a aprendizagem e favorecem o desenvolvimento crítico.

O congresso irá reunir acadêmicos, professores e comunicadores com a finalidade de discutir assuntos pertinentes da área.

Programação:
18/04 – Quarta feira
Credenciamento: 15h às 17h
Cerimônia de abertura: 19h
Magnifico Reitor José Carlos Tavares
Profº Msc Ivan Carlo
Pró Reitor (Proeac) Steve Araújo

Palestra de abertura
19h30 às 21h
Tema: O processo de democratização da informação
Palestrante: Bia Barbosa (Intervozes)
Local: Auditório Multiuso da Unifap (Anfiteatro)

19/04 – Quinta feira
Oficinas
Horário: 14h30 às 17h
Local: Salas disponibilizadas

Mesa Redonda (19h às 21h)

Tema: O futuro da internet na era do SOPA e PIPA
Mediador: Heluana Quintas (Coletivo Palafita)

Palestrantes:
Prof. Dr Juarez Xavier
Ivan Carlo (Unifap)

20/04 – Sexta feira

Oficinas: 14h30 às 17h
Local: Salas disponibilizadas

Concurso de curta metragem – 19h
Premiação para os três primeiros lugares
Mesa julgadora: Convidados do Museu da Imagem e do Som (MIS)

Palestra – 19h30 às 21h30
Tema: A ilusão de liberdade e a fantasia democrática: a imprensa dos nossos dias
Palestrante: Jornalista Lúcio Flávio Pinto (PA)
Local: Auditório multiuso da Unifap (Anfiteatro)

Show de encerramento – a partir das 22h
Presença de bandas locais

Reunião debate parceiras entre os poderes Executivo e Judiciário no Amapá

0

O governador do Amapá, Camilo Capiberibe, reuniu-se nesta quinta-feira, 29, no Palácio do Setentrião, com a juíza titular da Vara Especial do Juizado de Fazenda Pública Virtual do Tribunal de Justiça do Amapá (Tjap), Sueli Pini, procurador-geral do Estado, Antônio Kléber de Souza, defensor-geral do Estado, Ivanci Magno de Oliveira, subdefensor, Rivaldo Valente Freire, e o corregedor-geral do Estado, Luciano Del Castilo Silva.

Durante o encontro, a juíza apresentou ao governador propostas de parcerias entre o Tjap, Procuradoria Geral do Estado (PGE) e Defensoria Pública Geral do Estado do Amapá (Defenap). Segundo Sueli Pini, o trabalho em conjunto possibilita a criação da Câmara de Conciliação e do Expressinho da Defenap.

Conforme a juíza, a Câmara Conciliadora terá o objetivo de resolver questões financeiras que envolvam acordos monetários com o Estado, como por exemplo, indenizações. Ela funcionará em um anexo da PGE, com membros da Procuradoria e do Tjap. O órgão funcionará em anexo da Procuradoria, com servidores do Tjap e da PGE.

Já o Expressinho da Defenap, segundo a proposta, tratará de demandas provenientes de diversas áreas do governo, ou seja, no caso de a administração pública falhar na execução de serviços ou fornecimento de produtos. Como, por exemplo, no setor da Saúde, que consiste em problemas como carência de atendimento, falta de remédios, passagens áreas para tratamento médico, etc. O órgão, que funcionará nos Siacs Super Fácil do Estado, terá a missão agilizar essas ações para que elas não cheguem à Justiça.

O governador gostou das propostas e aceitou a parceria. Ao final do encontro, foi acordado que na próxima segunda-feira, 2, os membros da PGE e da Defenap se reunião novamente com a titular da Vara Especial do Juizado de Fazenda Pública do Tjap para que alinhem as ações necessárias à implementação dos dois órgãos.

Elton Tavares
Assessor de comunicação
Secretaria de Estado da Comunicação

SESCanta 2011 lança coletânea nesta terça-feira

0

No dia 3 de abril o Sesc Amapá lançará a coletânea Sescanta 2011, que divulgará os trabalhos apresentados no Festival de mesmo nome, que ocorreu no final do ano passado. O CD trará as 12 melhores músicas apresentadas por compositores da terra.

A Mostra de música Sescanta aconteceu em novembro de 2011, onde artistas novatos e de renome da música popular amapaense apresentaram suas canções para o público amapaense em dois dias de shows.

A partir daí o Sesc trabalhou essa mistura de vozes e composições para montar uma coletânea musical que mostra simplesmente o melhor da cultura amapaense na linguagem dos artistas de nossa terra.

Os artistas selecionados foram: Brenda Melo – Coração Benedito; Chermont Júnior – Mandinga de tambor; Cássio Pontes – Quintal; Ademir Pedrosa – Bem capaz; Cley Lunna – Alaúde; Ricardo Pereira – Porque é que eu canto blues; Nonato Santos – Quixote Caboco; Willian Cardoso – Canção de Pomar; Maria Elli – Vó Chiquinha, Sabá Tião – Tudo de Maré; Paulo Bastos – Bar Merengue e Karol Diva – Sereia do Rio Amazonas.

Fonte: http://www.amapadigital.net/noticia_view.php?ID=9635

Jacinta merece!

0

Projeto de autoria do deputado Agnaldo Balieiro (PSB), foi protocolado na Assembleia Legislativa, propondo que o prédio público onde vai funcionar uma escola estadual no bairro Vale Verde, no Distrito de Fazendinha, seja denominado de Professora Jacinta Maria Rodrigues de Carvalho Gonçalves, secretária estadual de comunicação, falecida em dezembro

Meu comentário: Jacinta era uma excelente profissional, além de grande amiga minha, de longa data. A Agência de Notícias do Amapá, ótima ferramenta de comunicação do Estado, é o seu legado. Adorei a iniciativa, a saudosa amiga merece essa justa homenagem.

Fonte: http://www.correaneto.com.br/site/?p=23440

O velho trem...

0

Sebrae começa a receber adesão de empresas para Projeto Indústria de Macapá e Santana

0

O projeto vai trabalhar com os segmentos Confecção, Serralheria, Sorveteria e Oleiro Cerâmico.

Representantes de micro e pequenas empresas, empreendedores individuais do setor da indústria dos municípios de Macapá e Santana, organizadas ou não, em associações ou em cooperativas podem aderir ao Projeto Indústria desenvolvido pelo Sebrae nestes municípios. A adesão é feita no Sebrae, em horário comercial, das 8h às 12h e das 14h às 18h.

Segundo a diretora técnica do Sebrae, Ana Dalva Ferreira, o projeto se justifica pela grande demanda por parte das empresas do Setor da Indústria e em função dos resultados positivos que os projetos desse setor vem alcançando ao longo dos anos de 2009 e 2011, “se faz necessária, no Amapá, a implantação de um projeto com foco específico nos segmentos industriais de diversas áreas envolvidas, para o Planejamento Plurianual 2012 a 2015”, disse.

O objetivo do projeto é promover o desenvolvimento do setor da Indústria, por meio da criação de produtos e serviços para a expansão do mercado e geração de novos postos de trabalho; aprimorar processos produtivos; melhorar a gestão administrativa e Financeira das Indústrias; e viabilizar processos de inovação.

São gestores do Projeto Indústria de Macapá e Santana, os colaboradores do Sebrae, André Gomes (coordenador), Antonio Rosa e Tatiane Negrão.

Nesta, quarta-feira, 28 de março, às 19h, foi lançado pelo Senai e Sebrae Nacional o Projeto PROCOMPI, específico para o Setor de Sorveteria. Na ocasião, o gerente da Unidade de Atendimento Coletivo do Sebrae, Alexsandro Cascaes e a colaboradora Tatiane Negrão apresentaram o Projeto Indústria de Macapá e Santana.

Denyse Quintas/Ascom/Sebrae

A vida é assim...

0
Contribuição do meu amigo Alex Carneiro, o "Farofa". 

quinta-feira, março 29, 2012

O interminável pinga-pinga de um soro...

2

Desde anteontem (27), passo por um processo de infecção intestinal. Sim, dores estomacais, mal-estar causado por uma cólica e derrame rabial. É amigos, a gente brinca com a saúde a toda hora, mas quando ela falta, o bicho pega e como pega!

Ontem (28), fui a Unimed consultar-me. O médico ordenou um hemograma e uma hidratação. A enfermeira, com a habilidade de mágico, colheu meu sangue e injetou o soro logo em seguida.

Foram quatro longas horas de pinga-pinga.Enquanto o soro pingava, eu pensava: como somos frágeis. Na segunda-feira (26), eu tava bem, até tomei umas cervas com meu irmão. E agora estou fraco, tomando, ao invés de cervejas, antibióticos. É, como somos fracotes.

Enquanto o soro pingava, que é uma espera inglória, fiquei invocadaço e blasfemei algumas vezes em pensamento. Mas aí, observei pessoas em pior estado de saúde que eu, todas serenas com suas mazelas sem perder a dignidade em nenhum momento. Não sei como aguentam.

Neste momento, segurei minha onda e fragilidade emocional. Recebi visitas da minha mãe e de minha namorada, conversei com companheiros de poltrona (sim, todos os leitos estavam ocupados), fiz ligações e brinquei com os enfermeiros. Tudo isso, enquanto o diabo do soro pingava e nunca acabava.

Elton Tavares

Ueap promove Fórum de discussão de propostas para a Rio+20

0

Foto legal!

0

Fim de Tarde no Museu Sacaca apresenta Momento 5 e Álvaro Braga

0


Mais uma programação especial foi montada para esta quinta-feira, 29, no projeto "Fim de Tarde no Museu". As apresentações artístico-culturais do Museu Sacaca, elaboradas pela Coordenação de Eventos Culturais, estão voltadas ao público visitante de todas as idades.

O principal objetivo desse projeto é divulgar os espaços da instituição, através da música e poesia, principalmente oportunizando aos artistas amapaenses a divulgação de trabalhos, valorizando os seus talentos.

A agenda de hoje contará com o Momento 5, composto por Paulo Chaves, Kelita Moreno, Neto, Lélia e Kely. O grupo foi idealizado pelo cantor e compositor Fernando Chaves, que acumula experiência de mais de 20 anos. A apresentação acontecerá na Praça de Alimentação, a partir das 19h. Na sequência acontecerão performances poéticas do ator Álvaro Braga.

O projeto Fim de Tarde no Museu acontece todas as quintas-feiras, das 17h30 às 22h, na Praça da Alimentação, onde a poesia e a música amapaense se encontram para o deleite dos visitantes.

Nayara Cavalcante/Museu Sacaca

Ministério da Cultura e Petrobras apresentam BESOURO cordão de ouro

0

Programação:

29/03/2012
Exibição do Filme e Impressões:

“Besouro” do cineasta João Daniel Tikhomiroff.

Local: Casa Fora do Eixo Horário: 19:00hs

Mediadores:

Reverendo Marco Ribeiro

(Bacharel Em Teologia com ênfase na religiosidade africana e especialista em ensino religioso)

Herbert Emanuel (Professor de Filosofia e Poeta)


30/03/2012
Vivência de Samba e Choro

Oficineiros: músico e ator Alan Rocha junto da atriz e cantora Leticia Soares.

Local: Ceará de Cuica Horário: 18:00hs à 22:00


31/03/2012
Vivência de dança afro

Oficineiras: atriz e bailarina Valéria Monã, e ator Cridemar Aquino do Rio de Janeiro – RJ

Local: Teatro Porão Sesc / Araxá

Horário: 08h às 12h.


31/03/2012

Espetáculo Teatral : “Besouro” - J.L.M Produções

Local: Teatro das Bacabeiras

Horário: 20 Hs.

Fazer Teatral de resgate – o grupo expõe sua historia cênica e seu processo criativo.

Obs: logo após o espetáculo


01/04/2012
Vivência de Capoeira –regional e angola

Oficineiros: ator, cordelista e capoeirista, Victor Alvim, - Lobisomem e o ator e capoeirista, Gilberto Silva – Laboriaux.

Local: Museu do Curiaú

Horário 08h às 12h


01/04/2012

Espetáculo Teatral : “Besouro” - J.L.M Produções

Local: Teatro das Bacabeiras

Horário: 17h e às 20 h.


Realização:
Coletivo Amazourbanidade

Música de agora: Open Your Eyes - Snow Patrol

0

Open Your Eyes (Abra seus olhos) - Snow Patrol

Tudo isto parece estranho e irreal
E eu não quero perder um só momento sem você
Meus ossos doem, minha pele está fria
E eu estou ficando tão cansado e tão velho

A raiva me corrói por dentro
E eu não vou sentir os pedaços e os cortes
Eu quero tanto abrir seus olhos
Por que eu preciso que você olhe nos meus

Me diga que você abrirá seus olhos [x4]

Levante, vá embora, saia de perto desses mentirosos
Porque eles não entendem sua alma ou seu fogo
pegue minha mão, entrelace seus dedos entre os meus
E nós sairemos deste quarto escuro pela última vez

Cada minuto a partir deste agora
Podemos fazer o que gostamos em qualquer lugar
Eu quero tanto abrir seus olhos
Porque eu preciso que você olhe nos meus

Me diga que você abrirá seus olhos [x8]

Tudo isto parece estranho e irreal
E eu não vou perder um só momento sem você.

O Univercinema exibe o filme Trainspotting

2

Trainspotting é um filme britânico, de 1996. Apesar das críticas, devido à alegações de que o longa promovia o uso de drogas, foi considerado, em 2004, pelo The New York Times como um dos 1000 melhores filmes já produzidos.

Trainspotting é um dos melhores filmes que já vi na vida e olha que já vi uma porrada de filmaços. Assisti ao longa pela primeira vez, ainda em VHS, em 1997. Além do roteiro muito firme, a trilha sonora é fantástica.

Enfim, para quem ainda não assistiu, recomendo!


Serviço: 
O Univercinema exibe o filme Trainspotting.
Auditório da Biblioteca da Universidade Federal do Amapá (Unifap).
Data: 29/03/2012.
Hora: 18h.
Entrada: Franca. 

Adeus, Millor Fernandes

0

O escritor carioca Millôr Fernandes morreu aos 88 anos, às 21h de terça-feira (27), em casa, em Ipanema, na Zona Sul do Rio de Janeiro. De acordo com o filho do escritor, Ivan Fernandes, sofreu falência múltipla dos órgãos e parada cardíaca.

Escritor, jornalista, desenhista, dramaturgo e artista autodidata, Millôr começou a colaborar com a revista O Cruzeiro aos 14 anos, conciliando as tarefas de tradutor, jornalista e autor de teatro.

No final dos anos 1960, tornou-se um dos fundadores do jornal O Pasquim, reconhecido por seu papel de oposição ao regime militar.

Escreveu nos anos seguintes diversos tipos de peças e se tornou o principal tradutor das obras de William Shakespeare no país.

Atualmente ele mantinha um site pessoal em que escrevia textos de humor e cartuns, além de reunir seus trabalhos dos últimos 50 anos.

Publiquei neste blog alguns escritos e frases de Millor Fernandes. O único livro do escritor que li por inteiro foi “A Bíblia do Caos”, além de dezenas de artigos. Infelizmente, o Brasil perde mais um de seus gênios. Adeus, Millor.     


Se

Se perceber que precisa seguir, siga!
Se estiver tudo errado, comece novamente.
Se estiver tudo certo, continue.
Se sentir saudade, mate-a.
Se perder um amor, não se perca!
Se o achar, segure-o!

Millor Fernandes

O Direito ao "Foda-se" (Millor Fernandes)

14

O nível de stress de uma pessoa é inversamente proporcional à quantidade de "foda-se!" que ela fala". Existe algo mais libertário do que o conceito do "foda-se!"? O” foda-se!”aumenta minha auto-estima, me torna uma pessoa melhor, reorganiza as coisas, me liberta. "Não quer sair comigo? Então foda-se!“.Vai querer decidir essa merda sozinho(a) mesmo? Então foda-se!" O direito ao "foda-se!”deveria estar assegurado na Constituição Federal”.

Os palavrões não nasceram por acaso. São recursos extremamente válidos e criativos para prover nosso vocabulário de expressões que traduzem com a maior fidelidade nossos mais fortes e genuínos sentimentos. É o povo fazendo sua língua. Como o Latim Vulgar, será esse Português Vulgar que ingará plenamente um dia. "Pra caralho", por exemplo. Qual expressão traduz melhor a idéia de muita quantidade do que "pra caralho"? Pra caralho" tende ao infinito, é quase uma expressão matemática. A Via-Láctea tem estrelas pra caralho . O Sol é quente pra caralho, o universo é antigo pra caralho, eu gosto de cerveja pra caralho, entende?

No gênero do "Pra caralho", mas, no caso, expressando a mais absoluta negação, está o famoso "Nem fodendo!" O "Não, não e não!" é tampouco e nada eficaz e já em nenhuma credibilidade. O "Nem fodendo!" é irretorquível e liquida o assunto. Te libera, com a consciência tranqüila, para outras atividades de maior interesse em sua vida. Aquele filho pentelho de 17 anos te atormenta pedindo o carro pra ir surfar no litoral? Não perca tempo nem paciência. Solte logo um definitivo: “Marquinhos, presta atenção, filho querido, NEM FODENDO!”. O impertinente se manca na hora e vai pro Shopping se encontrar com a turma numa boa, e você fecha os olhos e volta a curtir a sua musica.

Por sua vez, o "porra nenhuma!" atendeu tão plenamente as situações onde nosso ego exigia não só a definição de uma negação, mas também o justo escárnio contra descarados blefes, que hoje é totalmente possível imaginar que possamos viver sem ele em nosso cotidiano profissional. Como comentar a gravata daquele chefe idiota senão com um "é PHD porra nenhuma!”ou “ele redigiu aquele relatório sozinho porra nenhuma!". O “porra nenhuma", como vocês podem ver, nos provê sensações de incrível bem estar interior. É como se estivéssemos fazendo a tardia e justa denúncia pública de um canalha. São dessa mesma gênese os"aspone",”chepone","repone" e mais recentemente o "prepone" - presidente de porra nenhuma.

Há outros palavrões igualmente clássicos. Pense na sonoridade de um "Puta que pariu!", ou seu correlato "Pu-ta-que-o-pa-riu!!!", falados assim, cadenciadamente, sílaba por sílaba. Diante de uma notícia irritante qualquer um "puta-que-o-pariu!" dito assim te coloca outra vez em seu eixo. Seus neurônios têm o devido tempo e clima para se reorganizar e sacar a atitude que lhe permitirá dar um merecido troco ou o safar de maiores dores de cabeça.

E o que dizer de nosso famoso "vai tomar no cu!"? E sua maravilhosa e reforçadora derivação "vai tomar no olho do seu cu!". Você já imaginou o bem que alguém faz a si próprio e aos seus quando, passado o limite do suportável, se dirige ao canalha de seu interlocutor e solta: Chega! Vai tomar no olho do seu cu!". Pronto, você retomou as rédeas de sua vida, sua auto-estima. Desabotoa a camisa e sai à rua, vento batendo na face, olhar firme, cabeça erguida, um delicioso sorriso de vitória e renovado amor-íntimo nos lábios.

E seria tremendamente injusto não registrar aqui a expressão de maior poder de definição do Português Vulgar: "Fodeu!". E sua derivação mais avassaladora ainda: "Fodeu de vez!". Você conhece definição mais exata, pungente e arrasadora para uma situação que atingiu o grau máximo imaginável de ameaçadora complicação? Expressão, inclusive, que uma vez proferida insere seu autor em todo um providencial contexto interior de alerta e auto-defesa. Algo assim como quando você está dirigindo bêbado, sem documentos do carro e sem carteira de habilitação e ouve uma sirene de polícia atrás de você mandando você parar: O que você fala? "Fodeu de vez!".

“Liberdade, igualdade, fraternidade e foda-se!!!”

Millor Fernandes

quarta-feira, março 28, 2012

É hoje, vote em Ana Vidigal para a cadeira do Audiovisual do Conselho de Cultura

1

A produtora e documentarista, Ana Vidigal, militante da cultura amapaense há mais de 20 anos, é candidata à vaga de conselheira, do Seguimento Audiovisual, do Conselho Estadual de Cultura do Amapá (Consec/AP).  

Além de trabalhar com cinema, comerciais e documentários de vídeos há duas décadas, Ana sempre lutou para conseguir mostrar a produção do audiovisual amapaense fora do Estado. As bravatas em favor do seguimento surtiram efeito. Em 2011, ela e outros profissionais da área, conseguiram o apoio do Governo do Amapá e realizaram o I Seminário Audiovisual Amapaense. 

Ana é briguenta, luta pela classe e pelo todo. Entre os benefícios para setor, por quais Vidigal lutou com outros militantes culturais, estão:

A realização do I Seminário Audiovisual Amapaense; o curso inédito para assistentes de câmera HD; a construção Centro de Produção Digital, que funcionará dentro da Universidade Federal do Amapá (Unifap) e a regularização da Associação Brasileira de Documentaristas (ABD/AP), órgão que ela preside no Amapá e do qual a produtora faz parte do Conselho Nacional, entre outros. 

A reputação de Ana a precede. Vou explicar. Ouço o nome dessa guerreira há tempos, inclusive, assisti produções assinadas por ela antes mesmo de ter qualquer tipo de contato com Vidigal. Após conhecê-la, constatei que, além de profissional competente, também é uma ótima pessoa, daquelas que possui luz própria. 


Por tudo isso, Ana Vidigal, com ampla experiência e conhecimento na área, é a pessoa mais preparada para ocupar a cadeira do seguimento no Consec. Eu, como jornalista e entusiasta da cultura amapaense, apoio a candidatura da produtora. 

Infelizmente, por não tenho direito a voto, por nunca ter trabalhado com televisão. Mas acredito que os profissionais do audiovisual, que respeitam e reconhecem o trabalho de Ana, a elegerão. 


A eleição para a conselheiro do Seguimento Audiovisual do Consec/AP acontece hoje (28), na sede do Consec, localizado na Avenida Cora de Carvalho, em frente à Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA), no bairro Santa Rita, em Macapá. 

Podem votar no pleito todos os profissionais do setor audiovisual amapaense, sejam eles jornalistas de TV, cinegrafistas, editores, produtores, cadastrados no Consec. Boa sorte, Ana Vidigal! 


Elton Tavares

Poema de hoje: Poema Ver-o-Peso

2
Não sei de quem é essa foto do Ver-o-Peso, mas ela é linda.

Poema Ver-o-Peso

Ver o Peso, infinito em opções marcante aos coracões
Sua magia em assim dizer
Faz o sentido acontecer
Pesando,
Guardando,
Marcando,
Um Pará de alegrias,
Acolhedor e apaixonante.
Do inesquecivel Carimbó se faz ali seu porto
De seu peixe com Açaí uma opção ao paladar
Do riberinho sorridente um lugar sempre a lembrar.
Ver o Peso, guardado na memoria de suas idas e vindas
De marés atenuantes e vazantes despertar.
Viva Ver o Peso
Viva Belém
Viva o Pará

By Weverton O. Reis

Governador recebe empresários e discute avanços para a construção civil no Amapá

0

O governador do Amapá, Camilo Capiberibe, reuniu-se nesta terça-feira, 27, no Palácio do Setentrião, com o presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Amapá (Sinduscon/AP), Roberto Souza, empresários que atuam na área no Estado e gestores de órgãos estaduais do setor de infraestrutura. No encontro, governo e representantes da classe alinharam ações para fortalecer e incentivar ainda mais os empreendimentos locais.

Os gestores presentes no encontro foram os secretários de Estado do Meio Ambiente (Sema), Grayton Toledo, da Infraestrutura (Seinf), Joel Banha, da Indústria, Comércio e Mineração (Seicom), Reinaldo Picanço e dos Transportes, Sérgio La-Roque, o comandante do Corpo de Bombeiros Militar (CBM/AP), coronel Américo Miranda e os presidentes da Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA), José Ramalho e Instituto do Meio Ambiente e de Ordenamento Territorial do Estado do Amapá (Imap), Maurício Souza.

Durante o encontro, os empresários apresentaram sugestões ao governador, embasados em um diagnóstico da construção civil do Estado. Camilo Capiberibe também escutou algumas reivindicações da classe, como a promoção de capacitação de mão de obra, fornecedores e isenção de ICMS para compra de maquinário, além de agilidade na liberação de licenças de funcionamento junto ao CBM e Imap.

Na ocasião, o presidente do Sinduscon agradeceu a vontade política do governador em dialogar com a categoria. Roberto Souza disse ainda que a classe está disposta a trabalhar em conjunto com o governo do Estado para desenvolver ainda mais o setor.

Após a explanação dos empresários, o governador disse que está disposto a melhorar a atuação das empresas de construção civil no Estado e delegou os titulares da Seinf e Seicom a comandarem as análises das sugestões apresentadas pelos construtores. Camilo Capiberibe ainda estipulou que um novo encontro, marcado para acontecer em 20 dias, formalizará as reivindicações que forem possíveis serem efetivadas.

Elton Tavares
Assessor de comunicação
Secretaria de Estado da Comunicação

Linda foto do Aog Rocha

0

terça-feira, março 27, 2012

Filme do Clube de Cinema do MIS será BAD GUY

0


Kim Ki-duk, o premiado realizador de "A ilha" e "Spring, Summer, Fall, Winter... and Spring" criou uma sensacional fábula de amor obsessivo, usando uma potente mistura de romance negro, surrealismo e acção violenta. Com Bad Guy, Kim pinta um retrato negro de um inesquecível mundo de neon, onde dois amantes improváveis se encontram na sua própria solidão.

Só os olhos de Kim Ki-duk's poderiam transcender as convenções tradicionais da narrativa para expor a beleza viril do triste, mas no entanto verdadeiro amor, não importando que rua escura ele esteja limitado.




Serviço:
DIA: 31 de MARÇO
HORA: 18h30
LOCAL: Auditório do MIS, segundo piso do Teatro das Bacabeiras

ENTRADA FRANCA

Fonte: http://marypaes.blogspot.com.br/

Música de agora: Sereníssima - Legião Urbana

0

Sereníssima - Legião Urbana

Sou um animal sentimental
Me apego facilmente ao que desperta o meu desejo
Tente me obrigar a fazer o que não quero
E você vai logo ver o que acontece

Acho que entendo o que você quis me dizer
Mas existem outras coisas

Consegui meu equilíbrio cortejando a insanidade,
Tudo está perdido mas existem possibilidades,
Tínhamos a idéia mas você mudou os planos
Tínhamos um plano, você mudou de idéia

Já passou, já passou - quem sabe outro dia.

Antes eu sonhava, agora já não durmo
Quando foi que competimos pela primeira vez?
O que ninguém percebe é o que todo mundo sabe
Não entendo terrorismo, falávamos de amizade.

Não estou mais interessado no que sinto
Não acredito em nada além do que duvido
Você espera respostas que eu não tenho
Mas não vou brigar por causa disso

Até penso duas vezes se você quiser ficar.

Minha laranjeira verde, porque está tão prateada?
Foi da lua desta noite, do sereno da madrugada
Tenho um sorriso bobo, parecido com soluço
Enquanto o caos segue em frente
Com toda a calma do mundo.

Música de agora: Tão Bem - Lulu Santos

0

Tão Bem - Lulu Santos

Ela me encontrou, eu tava por aí
Num estado emocional tão ruim
Me sentindo muito mal
Perdido, sozinho
Errando de bar em bar
Procurando não achar
Ela demonstrou tanto prazer
De estar em minha companhia
Que eu experimentei uma sensação
Que até então não conhecia
De se querer bem
De se querer quem se tem
E ela me faz tão bem, ela me faz tão bem, que eu também quero fazer isso por ela...